PortalInícioFAQBuscarRegistrar-seEntrarConectar-se
Buscar
 
 

Resultados por:

Rechercher Busca avançada
Menu
Portal
Fórum
Notícias
Equipe FringeBrasil
The Observer
Glyph Codes
Outras Séries
O que é Fringe?
Regras





Calendário
23/03/12
FOX:
4x15 - A Short Story About Love

06/03/12
Warner Channel:
4x10 - Forced Perspective

09/03/12
SBT:
2x06 - Earthling (reprise)
Colabore


Faça uma Doação:

Por telefone via Allopass
(Sistema não disponível para o Brasil)


Cartão de crédito via Paypal

Parceiros FringeBrasil
Quem está conectado
1 usuário online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 1 Visitante

Nenhum

O recorde de usuários online foi de 32 em Sex Jul 01, 2011 12:38 am
Entrar
Usuário:
Senha:


Esqueci-me da senha

Registre-se agora!
É grátis!

Fringe DVD’s

Compartilhe | 
 

 Análise 4x02 One Night In October

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Dexter

avatar
Administrador
Administrador

Sexo : Masculino
Mensagens : 1283
Cadastrado em : 07/11/2010
Idade : 23
Localização : RS
Personagem Favorito : Olivia Dunham
Emissoras :
  • FOX
  • Warner Channel


MensagemAssunto: Análise 4x02 One Night In October   Sab Out 01, 2011 4:22 pm



Análise 4x02 One Night In October

Não sei por quê, mas sinto que Fringe retornou de vez a partir deste episódio. Considerei o primeiro episódio fraco, mas esse realmente me chamou a atenção. Conseguimos assistir a um excelente episódio sem Peter sequer aparecer (apenas a voz). Já li em alguns lugares que algumas pessoas estão considerando o episódio como uma forma de 'encher linguiça'. Desculpem-me, mas então talvez estejam assistindo à série errada.
São esses casos extraordinários de Fringe que mantém a série no foco certo e ainda contando o enredo principal. Fringe não seria Fringe se não fosse por isso.

Após defender este ponto, vou começar falando sobre o caso do episódio. Trata-se de um serial killer, no Outro Lado, que após ter uma infância difícil, procura a solução para seu sofrimento retirando as memórias felizes das outras pessoas e passando para si. Logo no começo do episódio já vemos como a ficção consegue às vezes ser tão real... Ao menos em Fringe.


Após esta cena, já vemos a magnífica abertura na qual nunca canso de olhar. Bom, o foco da cena é voltado ao laboratório de Walter, aonde sua preocupação está em falar o quanto ele odeia o outro universo e também em tapar qualquer objeto que possa ter a utilidade de um espelho, para evitar ter que ver Peter novamente. E é claro, já se equivocando no nome ao chamar o agente Lincoln.


Particularmente gostei muito dessa cena pelo seguinte: Astrid começa a sugerir que Olivia se interesse por Lincoln. Olivia, em uma de suas desculpas, fala sobre ele não ser seu tipo. A resposta vem mais clara impossível: "Já pensou que talvez seu tipo não exista"? Literalmente, não.


O episódio foi magnífico também pelo motivo de unir os dois universos para a solução do caso. E não foi o lado de cá que se rendeu. O Outro Lado realmente não teve outra alternativa a não ser pedir ajuda para contatar o alternativo do suspeito, que aqui é apenas um professor, mas que tem como conexão, o estudo nas ações de assassinos em série. Ele aceita ajudar no caso exatamente por isso, mas não fazia ideia de que a pessoa que ele iria estudar era praticamente ele mesmo. Afinal, a existência de um universo alternativo é guardada totalemente em segredo.

John vai até a casa de seu alternativo sedado, sem saber como chegou lá, conforme foi combinado. À medida que busca informações sobre o suspeito, começa a pensar que tudo aquilo se trata de uma brincadeira. O ápice foi quando ele encontrou uma foto de seu pai, juntamente com todas as outras fotos que estavam na lista do suspeito. Olivia, que estava apenas acompanhando a ação da Bolivia de longe, resolve contar tudo à John.


É realmente incrível como mostraram no episódio que uma ação pode mudar completamente uma pessoa. O John do lado de cá apenas correu, para longe de seu pai e conheceu Marjorie que mudou completamente sua vida, ao contrário do seu alternativo. John tentou conversar na tentativa de fazer com que seu alternativo aprendesse a lidar com a escuridão, assim como ele aprendeu através de Marjorie, mas não foi suficiente. O que bastou foi fazer com que seu alternativo não tivesse coragem de matá-lo, fazendo com que se sentisse culpado e o levando ao suicídio.

A grande lição desse episódio foi mostrar que mesmo com parte de sua memória retirada, o John do lado de cá não esqueceu o que Marjorie havia lhe ensinado, apesar de não mais conhecê-la e nem saber como isso lhe foi dito. Broyles se mostrou compreendido com a situação, falando uma das frases mais bonitas do episódio:

"Sempre achei que as pessoas deixassem uma marca indelével nas nossas almas. Algo que nunca pode ser apagado."


E por fim, ele, Peter... O episódio foi emocionante, ao contrário do primeiro episódio, sem ele aparecer, confesso. Mas obviamente o episódio não poderia acabar sem uma amostra de que ele ainda está ali, perdido. Peter não se cansa de pedir ajuda a Walter, que o considera como apenas uma imaginação, levando-o a sinais de inlucidez. Vamos ver se a partir de agora esses sinais vão ajudá-lo a trazer Peter de volta, ou se Walter irá enlouquecer de vez.


Frases marcantes do episódio:

Seta "Walter, I'm here!"
(Walter, estou aqui!) - 'Voz' de Peter para Walter.

Seta "At the risk of sounding sentimental... I've always thought there were people who leave an indelible mark on your soul. An imprint that can never be erased."
(Sempre achei que as pessoas deixassem uma marca indelével nas nossas almas. Algo que nunca pode ser apagado.) - Broyles para Olivia.

Seta "... her name was Margery... and what my father did with cruelty - she did with love. She taught me that I didn't have to live in the darkness... That when I got the urges, that I could just step out of it and into the light."
(... o nome dela era Marjorie... o que me pai fez com crueldade - ela fez com amor. Ela me ensinou que eu não precisava viver na escuridão... Quando fui compelido a agir assim, que eu poderia sair disso e ir para a luz.) - Professor McClennan para Olivia, sobre os ensinamentos que Marjorie lhe deixou.

Gabriel Alves.
Portal FringeBrasil.

_________________
He served his purpose...



» Colabore com o FringeBrasil!
Ajude o seu Portal sobre Fringe.
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.fringebrasil.org https://www.facebook.com/pages/FringeBrasil/264864616887205 http://www.twitter.com/portalfringebr
Bruno Zaneli

avatar


Sexo : Masculino
Mensagens : 2
Cadastrado em : 26/09/2011
Idade : 27
Localização : Osvaldo Cruz - SP
Personagem Favorito : Dr. Walter Bishop
Emissoras :
  • FOX
  • Warner Channel
  • SBT


MensagemAssunto: Re: Análise 4x02 One Night In October   Seg Out 03, 2011 7:38 pm

Concordo com você amigo, estes episódios “soltos” é o que da vida à série Fringe, e é os que nos faz querer assisti-la... e de uma maneira ou outra cada episódio esta ligada a mitologia da série.

Tmb gostei bastante de:“One Night In October”!

…Parabéns pelo post!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Dexter

avatar
Administrador
Administrador

Sexo : Masculino
Mensagens : 1283
Cadastrado em : 07/11/2010
Idade : 23
Localização : RS
Personagem Favorito : Olivia Dunham
Emissoras :
  • FOX
  • Warner Channel


MensagemAssunto: Re: Análise 4x02 One Night In October   Seg Out 03, 2011 8:15 pm

Obrigado Bruno, espero comentários seus nas outras análises que estão por vir.

Abraço.

_________________
He served his purpose...



» Colabore com o FringeBrasil!
Ajude o seu Portal sobre Fringe.
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.fringebrasil.org https://www.facebook.com/pages/FringeBrasil/264864616887205 http://www.twitter.com/portalfringebr
Fringewarrior

avatar


Sexo : Masculino
Mensagens : 3
Cadastrado em : 04/10/2011
Idade : 36
Localização : Eunápolis
Personagem Favorito : Olivia dunham (do nosso lado)
Emissoras :
  • FOX
  • Warner Channel
  • SBT


MensagemAssunto: Re: Análise 4x02 One Night In October   Sab Out 08, 2011 1:49 pm

Acho que desde que não se cometam exageros, como fizeram em alguns episódios na 2ª temporada, esses episódios um pouco mais "soltos" são válidos e até muito interessantes. Como este epi. 02 em que foi demonstrado que apesar de serem universos paralelos e tudo parecer quase 100% copiado, na verdade são muio diferentes se analisados mais de perto, devido à imprevisibilidade das decisões de cada um muitos fatos tomaram rumos diferentes, haja vista as Torres Gêmeas de NY, talvez lá eles tenham abordado a questão terrorismo de uma forma diferente.
Bom Trabalho,
Até.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Sam Weiss

avatar
Administrador
Administrador

Sexo : Masculino
Mensagens : 189
Cadastrado em : 05/10/2011
Idade : 30
Localização : Interior de SP
Personagem Favorito : Walter, Olivia e Peter
Emissoras :
  • FOX
  • Warner Channel


MensagemAssunto: Re: Análise 4x02 One Night In October   Seg Out 17, 2011 10:05 am

Sabe, eu nem acho que esses episódios são soltos. Cara a vida está seguindo, os acontecimentos estão ai. E é isso que a serie está mostrando, Peter não existiu!(Claro que existiu né..hehe). É por isso que também gostei do primeiro episódio.
As coisas estão acontecendo, a vida está seguindo de forma normal. E da maneira mais natural possível Peter está se reinserindo na vida deles.

Encher linguiça seria os roteirista forçarem a barra e tentar pular alguma coisa pra fazer Peter voltar logo sem dar respostas ou completarem a mitologia da serie como fizeram com a 3º Temporada de Lost. Aquilo sim foi encher linguiça.

Mais uma ótima análise cara.
Vlw, abraços a todos!
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.orkut.com.br/Main#Profile?uid=2512783954660690715
Dexter

avatar
Administrador
Administrador

Sexo : Masculino
Mensagens : 1283
Cadastrado em : 07/11/2010
Idade : 23
Localização : RS
Personagem Favorito : Olivia Dunham
Emissoras :
  • FOX
  • Warner Channel


MensagemAssunto: Re: Análise 4x02 One Night In October   Seg Out 17, 2011 11:31 am

Concordo... Como eu já disse, não seria Fringe se não fossem esses casos, pois de um jeito ou de outro, eles mostram certa conexão com a trama principal da série.

_________________
He served his purpose...



» Colabore com o FringeBrasil!
Ajude o seu Portal sobre Fringe.
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://www.fringebrasil.org https://www.facebook.com/pages/FringeBrasil/264864616887205 http://www.twitter.com/portalfringebr
Conteúdo patrocinado





MensagemAssunto: Re: Análise 4x02 One Night In October   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 

Análise 4x02 One Night In October

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
-
Ir para:  
FringeBrasil :: FOX & Warner Channel & SBT :: Notícias